Jorge Jesus: "Saímos de forma inglória"

Grande exibição da equipa de Alvalade frente aos colchoneros não chegou para evitar a eliminação da Liga Europa.

Jorge Jesus:
Imagem: JN

O Sporting ganhou a segunda mão frente ao Atlético de Madrid por uma bola a zero, mas o resultado não foi suficiente para passar às meias-finas da Liga Europa. No final da partida, Jorge Jesus destacou o “grande jogo” feito pelos leões e admitiu que, se a eliminatória tivesse tido outro desfecho, a equipa portuguesa era uma das grandes favoritas à conquista da Liga Europa.

“Faltou o segundo golo, como é obvio. Fizemos um grande jogo, com 70 minutos de grande qualidade. Na primeira parte, o Atlético teve dificuldade em perceber como estávamos a jogar, tivemos sempre superioridade numérica na luta pela posse de bola. Em Madrid hesitei: estive para jogar assim [três centrais], mas não sou bruxo”, lembrando que o Sporting foi a primeira equipa a derrotar os colchoneros nesta edição da Liga Europa.

jorge-jesus_Sapo

“Era importante marcar na primeira parte, o que conseguimos, mas nos últimos 15/20 minutos da segunda alguns jogadores sentiram a carga física. Mexemos, mas quem entrou não ajudou a melhorar a intensidade. Parabéns aos adeptos e aos jogadores, que fizeram um grande jogo. Mesmo com alguns jogadores nucleares de fora, demos uma grande resposta”, acrescentou, lembrando o grande jogo feito por Montero. “Só foi pena ter perdido aquela chance nos descontos em Madrid”, desabafou.

“Saímos da Europa de forma inglória. Se passássemos, estaríamos na luta, como favoritos, pela Liga Europa. Já são 53 jogos, é muito jogo, mas não me importava fazer mais alguns. Fica a sensação que voltamos a pôr o Sporting na Europa com muita qualidade. Agora, com o título nacional mais difícil, queremos ir ao Jamor, mas também não nos podemos esquecer do campeonato nacional”, rematou.

 

Comente esta notícia