Lisboa: Escorrega em hortaliça e pede indemnização a supermercado

Após a queda, a mulher levou caso a tribunal e pediu 101 mil euros de indemnização. Juiz discordou e atribuiu-lhe um valor muito diferente.

Lisboa: Escorrega em hortaliça e pede indemnização a supermercado
Imagem: CM

Um talo de hortaliça no chão de um supermercado de Lisboa provocou a queda a uma cliente de 73 anos de idade. Isto terá sido razão suficiente para a mulher levar o caso a tribunal e pedir uma indemnização avultada à superfície comercial.

Alegando mazelas físicas, uma vez que ficou com problemas na anca, pediu 101 mil euros de compensação, mas o juiz que presidiu ao caso decidiu que o valor a ser-lhe pago pelo supermercado deveria ser de 12 mil euros.

A mulher, entretanto, recorreu da decisão e o Tribunal da Relação de Lisboa vai apreciar o caso e proferir nova sentença.

Além da vergonha, foi transportada de urgência para o S. José por se ter magoado na anca e alega que nunca mais foi a mesma desde então, visto sentir dores horríveis.

 

Comente esta notícia