Tavira: abusou do filho menor na praia em frente a várias pessoas

O bancário de 42 anos abusou do próprio filho numa praia de Tavira em que é permitido fazer nudismo. Vários banhistas interromperam o abuso e chamaram as autoridades. O homem já foi detido pela Polícia Judiciária.

Tavira: abusou do filho menor na praia em frente a várias pessoas
Imagem: Público

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta terça-feira que deteve um homem de 42 anos depois de abusar sexualmente do filho menor no areal de uma praia em Tavira, no Algarve, onde se pratica nudismo.

O incidente ocorreu esta segunda-feira, pelas 18 horas. Vários banhistas “interpelaram o autor e chamaram as autoridades”. O homem, funcionário na área da banca, é associado à “presumível autoria de um crime de abuso sexual de crianças agravado”.

abusou do filho menor na praia

“Os factos ocorreram no dia de ontem [segunda-feira], em plena luz do dia”, realçou a PJ em comunicado.

A detenção foi feita pela Directoria do Sul da PJ, com apoio da Polícia Marítima. O homem, que não tem antecedentes criminais, vai ser presente a interrogatório judicial esta tarde no tribunal de Tavira para conhecer medidas de coacção.

 

Comente esta notícia