Apanhada a tentar raptar recém-nascido no Hospital de S. João

Estava disfarçada de médica e, com a desculpa que ia levar a criança para fazer exames médicos, quase que levar o bebé do berçário do Hospital de S. João.

Apanhada a tentar raptar recém-nascido no Hospital de S. João
Imagem: CM

Uma mulher de 48 anos tentou este sábado à noite roubar um recém-nascido do berçário do Hospital de São João, no Porto.

Sabe-se que a mulher, atualmente desempregada, já tinha trabalhado como técnica socorrista dos bombeiros numa corporação do Grande Porto, pelo que teria algum conhecimento das acessibilidades daquele hospital.

Apanhada a tentar raptar recém-nascido no Hospital de S. João

Estava vestida com uma bata branca e foi intercetada pelo pai do bebé que a terá questionado para onde ia levar o filho. Com um discurso pouco coerente, respondeu que era médica e que ia levar o bebé a realizar exames médicos. Desconfiado, o progenitor chamou enfermeiros do hospital que não reconheceram a suposta colega.

A PSP foi chamada ao hospital e a mulher foi detida. Vai ser presente esta segunda-feira ao Tribunal de Instrução Criminal do Porto, disse à Lusa uma fonte da PSP. Já o Hospital de São João fez saber que vai abrir um inquérito interno para “esclarecimento completo” da tentativa de rapto de um recém-nascido na maternidade daquela unidade.

Apanhada a tentar raptar recém-nascido no Hospital de S. João

A família da criança disse que foi tudo “um grande susto” e questionou a segurança do hospital. “Foi tudo muito fácil…ela já estava perto da saída quando a conseguimos parar. Como é que isto é possível?”

 

Comente esta notícia