Bebé enterrada viva salva pela polícia 7 horas depois

Uma bebé recém-nascida foi resgatada com vida pela polícia, depois de a família a ter enterrado por pensar que tinha morrido no parto.

Bebé enterrada viva salva pela polícia 7 horas depois
Imagem: JN

Uma menina recém-nascida foi salva pelas autoridades, 7 horas depois de ter sido enterrada viva na propriedade da família na cidade de Canarana, no Brasil.

A mãe, de apenas 15 anos, e avó, de 33, foram detidas, com a mulher a dizer que a bebé tinha nascido prematura e morta.

As autoridades receberam uma denúncia sobre um bebé que teria sido enterrado no quintal de um casa, depois de ter sido dado como morto no parto, sem que a criança tivesse sido vista por um médico. À chegada ao local, a família explicou que a criança tinha batido com a cabeça durante o parto e não tinha dado sinais de vida, pelo que um dos elementos da família o enterrou embrulhado num pano.

bebe-enterrada-viva-salva-pela-policia-7-horas-depois_DiarioOnline

Ainda assim, os agentes começaram a escavar com as próprias mãos quando ouviram a criança a chorar.

“Não dá para descrever a sensação ao começar a cavar e ouvir o choro da criança. Deu um desespero para cavar ainda mais depressa, com as mãos, com cuidado. A bebezinha é tão pequenina, coube nas duas mãos. Tantas horas depois de enterrada, é um milagre”, descreveram as autoridades em comunicado.

bebe-enterrada-viva-salva-pela-policia-7-horas-depois_DiarioOnline

A bebé foi transportada de urgência para o hospital municipal. Sabe-se que se encontra bem, mas ainda a lutar com uma insuficiência respiratória.

 

Comente esta notícia