Bruno acusado de ser o cabecilha de esquema de corrupção

Ex-presidente do Sporting foi denunciado por corrupção no processo Cashball, esquema de viciação de resultados de andebol e da Liga de futebol, com compra de árbitros e futebolistas.

Bruno acusado de ser o cabecilha de esquema de corrupção
Imagem: DN

Bruno de Carvalho está a ser investigado por corrupção desportiva no âmbito do processo Cashball.

Paulo Silva, o arrependido que denunciou um alegado esquema de viciação de resultados de andebol e da Liga de futebol, com compra de árbitros e futebolistas, disse às autoridades que o ex-presidente do clube de Alvalade era o cérebro do plano de corrupção.

Bruno acusado de ser o cabecilha de esquema de corrupção

Recorde-se que o processo em causa levou à detenção de André Geraldes (braço-direito do ex-presidente), de Gonçalo Rodrigues, funcionário do Sporting, do empresário João Gonçalves e do próprio Paulo Silva, tem agora um novo suspeito na mira – Bruno de Carvalho.

Tal como avança o JN, Paulo Silva que, em março do ano passado, se deslocou ao Departamento de Investigação e Ação Penal do Porto para denunciar o caso, entregou às autoridades mensagens de WhatsApp que atestam, no seu entender, a corrupção e que implicam diretamente Bruno de Carvalho como o cabecilha do esquema.

 

Comente esta notícia