Bruno hospitalizado em dia de eleições no Sporting

Fonte próxima do ex-presidente disse tratar-se de uma gastrite, mas vários jornais avançam que se tratou de uma intoxicação medicamentosa.

Bruno hospitalizado em dia de eleições no Sporting
Imagem: DN

Bruno de Carvalho foi hospitalizado no sábado à tarde, dia de eleições para a presidência do Sporting. Foi assistido num hospital de Lisboa e só teve alta por volta das 6 da manhã de domingo.

Fonte próxima do ex-presidente leonino declarou ao JN que Bruno deu entrada no Hospital da Cruz Vermelha, em Lisboa, acompanhado da irmã Alexandra, devido uma gastrite, apresentando enjoos e sinais de febre.

Porém, outros jornais avançaram que terá sofrido uma intoxicação medicamentosa. A notícia foi prontamente desmentida e Bruno de Carvalho admitiu agir judicialmente contra os autores dessa mesma notícia.

Ao contrário do que tem sido habitual, Bruno de Carvalho, de 46 anos, não fez qualquer publicação na rede social Facebook, facto que não passou despercebido, ou não estivessem a decorrer eleições no Sporting, destinadas justamente a eleger o seu sucessor.

Bruno hospitalizado em dia de eleições no Sporting

Recorde-se que, em virtude de um primeiro processo movido pela Comissão de Fiscalização, o ex-líder leonino foi suspenso da condição de sócio por um ano, o que o impediu de se recandidatar à presidência.

Um segundo processo, do qual Bruno já recebeu nota de culpa, poderá resultar na suspensão por 8 anos, se for esse o juízo do novo Conselho Fiscal e Disciplinar eleito este sábado, a quem caberá instruir e concluir o processo.

Bruno de Carvalho também tentou, através de providência cautelar, impedir a realização das eleições, mas a decisão do juiz, após resposta do Sporting à citação judicial, não chegou em tempo útil. Bruno desistiu desse caminho mas deverá avançar para a impugnação das eleições, por via de outra providência cautelar.

O presidente destituído liderou os leões entre março de 2013 e junho de 2018. Este sábado, Frederico Varandas, antigo responsável pelo departamento clínico do clube de Alvalade da era Bruno de Carvalho, tornou-se o 43º presidente do Sporting.

 

Comente esta notícia