Lisboa: comprou arma na Internet e levou-a para a escola

Rapaz de 15 anos levou uma arma para a sala de aula na Escola Secundária Pedro Nunes, em Lisboa. Professora chamou de imediato a polícia.

Lisboa: comprou arma na Internet e levou-a para a escola
Imagem: TVI24

O caso alarmou a comunidade escolar da Escola Secundária Pedro Nunes, na zona da Estrela em Lisboa.

Um rapaz de 15 anos foi para a escola e fez-se acompanhar de uma arma que comprou na internet. Um colega do rapaz viu a arma e fez queixa a uma professora, que abordou o aluno em questão em plena sala de aula.

O adolescente assumiu a posse, mas explicou que se tratava de uma arma de airsoft, que dispara pequenas bolas de nylon.

comprou arma na internet e levou-a para a escola

A professora acabou por chamar a polícia, que destacou uma equipa do Programa Escola Segura, que acabou por descobrir que o jovem tinha comprado três armas no total através de plataformas online – através de contas dos pais, sem que estes tivessem conhecimento. As restantes duas armas estavam na posse de outros alunos, amigos do comprador.

Estas armas são usadas, sobretudo, em tiro desportivo, precisam de uma licença específica e devem ter uma marca que as diferencie. Têm de estar pintadas com faixas coloridas, de forma a distinguirem-se das armas de fogo que disparam munições reais. Caso não estejam pintadas, serão consideradas armas de fogo, verificando-se um delito criminal.

A PSP vai agora fazer perícias às armas apreendidas, para perceber o tipo de crime em que os jovens incorrem.

 

Comente esta notícia