Costa "apanhado" no autocarro a caminho da Loja do Cidadão

Primeiro-ministro viajou de transportes públicos para tratar de assuntos pessoais. Dentro do autocarro, não faltaram desejos de bom Ano Novo.

Costa
Imagem: Sábado

António Costa e a esposa foram “apanhados” num autocarro da Carris com destino ao Marquês de Pombal e surpreenderam os cidadãos que ali se encontravam.

Durante uma chamada telefónica realizada a bordo do autocarro que circula entre a Damaia e o Marquês de Pombal, Costa revelou que se dirigia a uma Loja do Cidadão para alterar a sua morada – uma vez que se mudou, recentemente, de Sintra para um apartamento em Benfica.

Viajou sem seguranças e acompanhado pela mulher, Fernanda Tadeu. A mesma notou também ao telefone: “Já nem me lembro da última vez que andámos de autocarro.”

Antes de abandonar o autocarro, houve ainda tempo para Costa trocar palavras com um conhecido e com uma idosa. “Senhor primeiro-ministro, quero desejar-lhe um bom ano”, afirmou a senhora.

Tem sido notada a presença de António Costa na zona de Benfica. Os vizinhos têm comentado o dia-a-dia do novo morador e até há quem cometa algumas inconfidências – “já o vi a comprar frango assado na churrasqueira”. Mas, além do obrigatório polícia à porta do prédio, e terminadas as mudanças, pouco mais há a acrescentar.

Recorde-se que o primeiro-ministro vivia em Sintra, em Fontanelas, mas a distância obrigava a enfrentar o trânsito do IC19 duas vezes por dia, o que nem sempre era fácil. Além disso, os filhos do casal já são adultos e têm uma vida independente, pelo que o espaço da vivenda em Fontanelas era já desnecessário.

 

Comente esta notícia