Cristina e Cláudio Ramos atiram-se a Georgina: "é esperta, não é inteligente"

Os apresentadores fizeram declarações polémicas contra Georgina Rodríguez no programa desta segunda-feira. Tudo porque a namorada de CR7 veio queixar-se que era vítima de perseguição.

Cristina e Cláudio Ramos atiram-se a Georgina:
Imagem: Impala

Na emissão desta segunda-feira, dia 25, de “O Programa da Cristina”, Cristina Ferreira e Cláudio Ramos comentaram a polémica passagem da namorada de Cristiano Ronaldo por Madrid.

Em causa, uma visita de Gio e os quatro filhos de CR7 ao zoológico, que a espanhola de 25 anos de idade mostrou nas redes sociais mas tentou enganar os seu fãs afirmando que se tratava do zoológico de Turim, em Itália.

Cristina e Cláudio Ramos atiram-se a Georgina:

Uma fonte do espaço disse à imprensa espanhola que Georgina estava a passear com as crianças por lá e a jovem não gostou de ser filmada pelos jornalistas que, entretanto, para lá se dirigiram.

Entretanto, Georgina decidiu queixar-se nas redes sociais da situação, dizendo, inclusivamente que estava a ser alvo de perseguição. A publicação, contudo, foi alvo de muitas críticas, uma vez que os internautas consideraram que se não queria que ninguém soubesse onde estava que não partilhasse a sua localização e fotos nas redes.

A este propósito, Cláudio Ramos começou por dizer: “Ela é esperta, inteligente não é, que são coisas completamente diferentes”.

Cristina e Cláudio Ramos atiram-se a Georgina:

“Georgina é um amor de pessoa, adoro-a, é uma prima afastada que aqui tenho. Ela sentou-se na sua casa de Lisboa a falar do pai. A partir do momento em que abres a porta para tanta intimidade não vens agora dizer que não podes ver girafas e macacos com os teus filhos. Atenção! Não acho grave, acho que ela está a exagerar um pouco”, acrescentou.

Apesar da amizade com a família de Cristiano Ronaldo, Cristina Ferreira também criticou a espanhola. “Não sei por que é que precisam tanto de mentir. Por que é que metem localizações falsas?”, questionou a apresentadora da SIC.

 

Comente esta notícia