Encontrado em ribeiro corpo de idosa desaparecida

O caso de uma idosa desaparecida em Lousada, na tarde do passado domingo, teve um desfecho trágico.

Encontrado em ribeiro corpo de idosa desaparecida
Imagem: CM

Uma senhora de 82 anos de idade foi encontrada sem vida no leito de um rio em Lousada, cuja profundidade era de apenas 40 centímetros. A idosa estava desaparecida desde domingo à tarde, após ter saído sozinha de casa.

O cadáver foi encontrado na manhã desta segunda-feira, meia hora depois de terem recomeçado as buscas pela mulher, que contaram com mergulhadores e com a brigada cinotécnica da GNR, constituída por cães treinados na identificação de vítimas.

“As buscas recomeçaram e a vítima foi encontrada. Estava no leito do rio, numa parte em que a profundidade da água é de apenas 30 a 40 centímetros”, tornou público Roberto Costa, comandante dos Bombeiros Voluntários de Lousada.

O comandante acrescentou ainda que o corpo foi localizado a “cerca de 500 metros” da habitação onde residia. “Quando foi encontrada, já estava sem vida e nada havia a fazer. O corpo foi levado para o Instituto Medicina Legal de Penafiel”, acrescentou.

encontrado-em-ribeiro-corpo-de-idosa-desaparecida_JN

Segundo o relato da filha, esta não tinha sido a primeira vez que a mãe saía de casa sozinha. Nunca imaginando tal desfecho, acabou por alertar as autoridades passadas várias horas, após se ter apercebido que a mãe estava a demorar mais do que era habitual.

Os Bombeiros e GNR de Lousada mobilizaram meios para o local e iniciaram as buscas nos caminhos e matas das redondezas da habitação da octogenária. O esforço alongou-se até às 20 horas de domingo sem que a mulher de 82 anos fosse encontrada, tendo os operacionais identificado, já perto do ribeiro, a saia e os chinelos usados pela idosa.

 

Comente esta notícia