Hernâni Carvalho e o cancro: "uma luta que vou travando até deixar de ganhar"

O apresentador do programa "Linha da Frente" relatou a Júlia Pinheiro os sustos que tem apanhado devido a um cancro na garganta que lhe foi diagnosticado aos 33 anos.

Hernâni Carvalho e o cancro:
Imagem: VIP

Hernâni Carvalho foi o convidado de Júlia Pinheiro nas tardes da SIC. O apresentador do programa “Linha da Frente” deixou cair a “armadura” e, com lágrimas nos olhos, fez algumas revelações sobre a sua vida pessoal.

“Já enfrentaste uma dura batalha”, começou por dizer Júlia, focando a conversa nas doenças do jornalista.

Hernâni Carvalho e o cancro:

“Sim. Tinha 33 anos, estava num vórtex de trabalho bem interessante, numa ascensão profissional muito interessante e portanto não tinha tempo, e de repente fiquei rouco. Trabalhava na RTP e na Rádio Nova Antena… e um dia o operador de som disse: ‘Hernâni, já não aguento mais, estás tão rouco que já não consigo filtrar mais a tua voz’…”, começou por dizer Hernâni Carvalho.

“Eu achava que era uma questão de tomar uns rebuçados e fui aos serviços clínicos da RTP, que ainda os tinha, e pedi à senhora enfermeira um otorrino que fosse ali perto porque tinha pressa e estava rouco e tinha de tratar do assunto”, prosseguiu.

“No otorrino, disse que estava um bocado rouco, que me arranjasse umas pastilhas. Ele observou-me e disse: ‘Tens um cancro na garganta, vou-te operar na segunda-feira”, recordou.

Hernâni Carvalho e o cancro:

“Foi complicado! Caiu-me o teto. A sensação é extraordinária: saí para a rua e o céu parecia-me mais baixo, mais próximo da cabeça. Não tinha horizonte”, disse, emocionado.

“Lá fui operado, aquilo correu muito bem, mas um ano depois tive de ser operado de urgência outra vez… e já tive mais sustos. Isto é até um dia deixar de ganhar!”, rematou.

 

Comente esta notícia