Jovem de 16 anos fica numa cadeira de rodas por causa de tatuagem

Uma infeção causada por uma tatuagem no peito deixou a jovem numa cadeira de rodas para o resto da vida. Grávida, acabou por perder o filho.

Jovem de 16 anos fica numa cadeira de rodas por causa de tatuagem
Imagem: CM

Luísa, uma jovem colombiana de 16 anos de idade, fez uma tatuagem no peito que a fez sofrer um aborto e ficar numa cadeira de rodas para o resto da sua vida.

A colombiana, que estava grávida, começou por sentir uma dor nas costas e em poucos dias foi-lhe diagnosticada uma infeção grave devido à tatuagem.

“Comecei por sentir uma dor nas costas, sentia formigueiro nos pés, o meu estômago ficou inflamado, não sentia as partes intimas”, contou à imprensa. Fez ainda questão de partilhar o seu caso nas redes sociais para alertar outras mulheres.

Jovem de 16 anos fica numa cadeira de rodas por causa de tatuagem

A jovem acabou por perdeu o bebé devido à infeção que se espalhou pela medula. Foi submetida a uma cirurgia para drenar algum do líquido da infeção, no entanto os problemas estenderam-se a outros órgãos.

“Tive de tomar muitos medicamentos, sofri um aborto e perdi o filho que carregava. Fiz uma tatuagem que infetou e as bactérias afetaram a minha medula. Foi muito difícil ouvir os cirurgiões dizerem que não ia voltar a andar”, continuou.

Os amigos de Luisa estão, agora, a angariar dinheiro para que a jovem seja submetida a outras operações. Precisam de cerca de 4000 euros para os tratamentos.

 

Comente esta notícia