Judite: "Não há nada a perder quando já se perdeu o mais importante"

Prestes a iniciar um novo projeto profissional, a jornalista partilhou no Instagram uma mensagem que a levou a ser considerada “um grande exemplo”.

Judite:
Imagem: Flash

“Todos temos os nossos problemas mas nem todos os problemas são iguais. Vamos pensar nisto a sério e chegaremos à conclusão de que determinadas pessoas, que decidem viver, tornam-se muralhas de aço do ponto de vista psicológico e comportamental”, escreveu Judite de Sousa no Instagram, no passado sábado, a um dia de celebrar 58 anos.

Judite:

“Não há nada a perder quando já se perdeu o que havia de mais importante”, acrescentou. A mensagem surge numa altura em que a pivô do “Jornal das 8” e diretora-adjunta de Informação da TVI se prepara para apresentar ao público um novo projeto profissional. A especulação em torno do novo programa de Judite está a gerar muita curiosidade e são muitos os fãs que acreditam que a jornalista se prepara para dar voz a outras pessoas que sofrem da mesma dor do que ela.

Isto porque as palavras que partilhou se referem à perda irreparável que sofreu em junho de 2014, quando morreu o seu único filho, na sequência de um acidente numa piscina. Se hoje fosse vivo, André Sousa Bessa teria 33 anos.

Judite:

Recorde-se que, em abril, por ocasião do aniversário do filho, Judite Sousa escreveu no Facebook como legenda de uma fotografia de André: “Culto. Inteligente. Viajado. É lindo de morrer. Parabéns.”

Menos de um mês depois, desta vez no Instagram, a responsável da Informação da estação de Queluz de Baixo relembrou o jovem com uma certeza que emocionou os seus seguidores: “Sempre no meu coração. Filho querido. Lindo. Vivo porque tu vives dentro de mim e de todos os que te amam.”

 

 

Comente esta notícia