Mulher só descobriu que era rica quando pediu o divórcio

Enquanto esteve casada, o marido convenceu-a de que tinham muitas limitações financeiras, razão pela qual as discussões familiares eram violentas. Só quando pediu o divórcio é que descobriu que era milionária.

Mulher só descobriu que era rica quando pediu o divórcio
Imagem: DN

Aos 63 anos de idade, uma mulher australiana decidiu pedir o divórcio. Os últimos anos de vida em comum com o marido ficaram marcados por dificuldades financeiras e discussões constantes por causa de dinhiero, que culminaram em episódios de violência doméstica.

Já em desespero, decidiu pedir o divórcio e, para sua surpresa, descobriu que era milionário, depois de ter contactado um advogado para saber quais os bens da família a que tinha direito.

À imprensa contou que o marido é que geria as contas bancárias e as finanças domésticas. “[Ele] sempre me fez acreditar que tínhamos pouco dinheiro e eu tinha um orçamento semanal para as compras do supermercado”, contou.

“Quando precisava de mais dinheiro para as crianças ou para mim ele dizia que não havia e que tínhamos de passar sem o que pedíamos. Até dizia que estávamos com dificuldades para pagar as contas básicas da casa e que tinha de fazer o possível para poupar”, acrescentou.

Por isto, foi um “choque” quando descobriu que a realidade afinal era outra. “Depois de nos separarmos descobri que éramos proprietários de 15 terrenos e tínhamos contas bancárias com milhares de dólares”, revelou.

“Senti-me tão enganada. Nem queria acreditar que vivi com dificuldades durante tanto tempo”, desabafou. “Acabei por receber metade dos bens e tornei-me financeiramente independente pela primeira vez na vida”, confessou.

“A primeira coisa que fiz foi ir ao cabeleireiro pintar o meu cabelo cinzento pela primeira vez, pois nunca pensei ter dinheiro para isso quando era casada”, disse, num misto de angústia e de felicidade.

 

Comente esta notícia