Nuno Saraiva denuncia membros do Benfica no balneário de Xistra

Diretor de comunicação do Sporting diz que dirigente do Benfica esteve no balneário do árbitro Carlos Xistra logo após o dérbi do fim-de-semana, para levar "lembranças". Além disso, revelou o que Rui Vitória disse ao árbitro da partida.

Nuno Saraiva denuncia membros do Benfica no balneário de Xistra
Imagem: JN

Nuno Saraiva denunciou esta quinta-feira, no programa “Verde no Branco”, a presença de Tiago Pinto, diretor para o futebol do Benfica, no balneário de Carlos Xistra logo após o dérbi do fim de semana, o qual terminou com um empate sem golos entre Sporting e Benfica.

O diretor de comunicação dos leões revelou ainda que o diretor para o futebol do Benfica esteve naquele espaço acompanhado de “alguém do departamento de comunicação”.

“No final do jogo, o diretor de futebol do Benfica, Tiago Pinto, foi ao balneário do árbitro levar umas lembranças, não sei se vouchers ou camisolas do dérbi. Foi acompanhado por alguém do departamento de comunicação do Benfica e o delegado Nuno Pedro. Tiago Pinto esteve mais de 5 minutos na cabine do árbitro”, começou por dizer.

“Como é sabido, no final do jogo já o Rui Vitória tinha dado um triste espectáculo, mas não contentes com isso Tiago Pinto dirige-se à cabine, fica lá 5 minutos e sai com cara de poucos amigos, como quem tinha dado um correctivo a Carlos Xistra. Mas queixam-se de quê? Espero que o sr. Tiago Pinto não tenha ido levar um recado por interposto e que Xistra não tenha servido de veículo para os últimos jogos em que intervêm o Sporting e o Benfica”, prosseguiu Nuno Saraiv, que falou ainda da “situação embaraçosa” que envolveu Rui Vitória.

nuno-saraiva-denuncia-membros-do-benfica-no-balneario-de-xistra_CM

“No final do jogo, o treinador do Benfica dirigiu-se à equipa de arbitragem, designadamente, a Carlos Xistra. Acusou-o, aos berros, de ser um cobarde, de tal forma que se ouviam pelos corredores todos. Disse ‘querias falar comigo e agora não vens’ e ‘vem cá fora e vais ver’”, revelou.

“O mapa de castigos já saiu e não me parece que haja qualquer castigo para Rui Vitória. Deve significar que, mais uma vez, os delegados ao jogo não escreveram o que deviam ter escrito. A menos que não tenham testemunhado, mas acho difícil que não tenham ouvido pelo menos o que foi dito. Foi dito de tal maneira alto que era impossível não ouvir. Além de que parece-me evidente que no relatório do árbitro não consta, o que não deixa de ser preocupante. O que foi o senhor Tiago Pinto fazer à cabine? É este o resultado da conversa do senhor Tiago Pinto com Xistra?”, questionou o dirigente leonino.

 

Comente esta notícia