PJ faz buscas nas Finanças, Ministério da Defesa e Cruz Vermelha

Em causa estão suspeitas de corrupção passiva, peculato e abuso de poder de altos responsáveis da Administração Pública.

PJ faz buscas nas Finanças, Ministério da Defesa e Cruz Vermelha
Imagem: JN

A Polícia Judiciária (PJ) está a levar a cabo uma operação que envolve buscas na Inspeção-Geral das Finanças, confirmou o Ministério Público (MP).

“Informa-se que decorre a realização de buscas destinadas à recolha de elementos de prova relativos à prática dos crimes de corrupção passiva, peculato e abuso de poder imputáveis, indiciariamente, a altos responsáveis de serviços centrais da administração pública”, lê-se numa nota do Ministério Público enviada à TSF.

As diligências “têm por objeto o apuramento de responsabilidades individuais de dirigentes da administração pública da área de serviços com a missão designadamente do controlo financeiro e fiscal do Estado, da área ministerial, incluindo uma instituição humanitária de utilidade pública e uma empresa privada”.

PJ faz buscas nas Finanças, Ministério da Defesa e Cruz Vermelha

Em investigação estão “indícios da prática de atos ilícitos em procedimentos concursais, em ações de fiscalização que lesaram gravemente o Estado nos seus interesses financeiros, tendo como contrapartidas benefícios individuais dos visados”.

Já segundo a agência Lusa, as buscas estendem-se ao Ministério da Defesa e Cruz Vermelha Portuguesa.

A operação cumpre os mandados de busca emitidos pelo MP e pelo Juiz de instrução criminal e conta com 50 inspetores da PJ, peritos informáticos e financeiros da PJ, seis magistrados do MP e quatro auditores.

 

Comente esta notícia