Sérgio Conceição: "Ninguém está acima de nós"

Sempre a somar pontos, o treinador do FC Porto fez questão de assinalar que nas competições internas não há equipa melhor do que a dos azuis e brancos.

Sérgio Conceição:
Imagem: DN

Sérgio Conceição é um treinador cheio de razões para estar orgulhoso da equipa que treina. Pelo menos, foi isso que declarou no final do encontro frente ao Santa Clara. O técnico Sérgio considerou a vitória “justa” frente a um “adversário difícil” e afirmou que, nas competições internas, “ninguém está acima do FC Porto”.

“Sabíamos do poderio desta equipa. Antes do jogo com o Moreirense, o Santa Clara tinha feito resultados não muito condizentes com o valor do plantel. É uma equipa competitiva, perigoso nas bolas paradas. Entrámos bem, procurámos um golo cedo. Acabámos por sofrer um golo num campo pesado e difícil”, começou por dizer.

“Num jogo não muito bonito fomos à procura do golo, conseguimos o empate antes do intervalo. Na segunda parte, fizemos as mudanças que tínhamos de fazer para ir à procura da vitória, com a entrada do Otávio. Foi uma vitória justa frente a uma equipa difícil”, prosseguiu, considerando o triunfo “importante”.

Sérgio Conceição:

“Tudo o que fazemos é com o intuito de ganhar. A equipa não sabe gerir o jogo com uma posse de bola de forma passiva. Somos uma equipa que olha constantemente para a baliza adversária. Tivemos uma ou outra oportunidade para ficarmos com um resultado mais tranquilo. Tenho de dar os parabéns pela entrega das duas equipas. O VAR quebrou um pouco a intensidade do jogo, mas no fundo conseguimos uma vitória importante”, garantiu, salientando que, apesar da equipa azul e branca ter conseguido o 13.ª triunfo consecutivo, não liga a estatísticas.

“O FC Porto é uma equipa forte, com caráter e com uma maturidade interessante. Nas competições internas, ninguém está acima de nós. Nós é que podemos dar algo ao adversário para serem melhores em determinados momentos do jogo. Esta equipa é ambiciosa, não se cansa de vencer. A meta era ganhar o jogo. Não ligo a estatísticas. Para nós, não é muito importante. O importante é a vitória, depois se vier com recorde, melhor, mas não ligo a isso”, rematou.

 

Comente esta notícia