Vendas Novas: mata funcionário de área de serviço com 70 facadas

Começou a ser julgado o homem que, num surto psicótico, matou um funcionário da área de serviço de Vendas Novas sem razão aparente. Jesuíno Bombico tinha 52 anos.

Vendas Novas: mata funcionário de área de serviço com 70 facadas
Imagem: CM

Fernando trindade, o homem que matou à facada Jesuíno Bombico, funcionário da área de serviço da A6, em Vendas Novas, começou a ser julgado.

O homicida confessou o crime, explicando que, em estado psicótico, após uma discussão, desferiu mais de 70 golpes de faca na vítima, com uma navalha que lhe saíra numa máquina de brindes.

Começou por abastecer o carro, tendo discutido com a funcionária da caixa. Depois estacionou na área de restauração e, ali, furou os pneus de carros que se encontravam ali estacionados.

Vendas Novas: mata funcionário de área de serviço com 70 facadas

Foi precisamente nessa altura que surgiu Jesuíno Bombico, de 52 anos, e, sem motivo aparente, foi atacado por Fernando Trindade com 70 facadas.

O ataque durou cerca de 20 minutos, até que a GNR chegou e imobilizou o homicida. Fernando Trindade, de 34 anos, sofre de “perturbação afetiva bipolar de tipo 1”, doença diagnosticada desde 2013, com “sintomas “psicóticos.

De acordo com o Ministério Público, a falta de medicação pode ter originado o crime, que já pediu uma pena de internamento para o homicida.

 

Comente esta notícia