[Vídeo] "Deportação selvagem” de homem no aeroporto de Lisboa gera revolta

As autoridades nacionais estão a ser acusadas, nas redes sociais, de ter procedido à “deportação selvagem” de um senegalês, num avião no aeroporto de Lisboa.

[Vídeo]
Imagem: JN

Um homem senegalês foi detido num avião no aeroporto de Lisboa e levado à força pela PSP e pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). Há relatos de que a detenção foi brutal e de que o homem ficou ferido.

De acordo com o texto que acompanha o vídeo – que, entretanto, já se tornou viral nas redes sociais -, Mbaye Sow foi “detido pelos serviços de imigração da polícia portuguesa e depois levado à força para o aeroporto”, tendo ficado com vários dedos partidos.

O vídeo não mostra o momento em que o homem é retirado do avião, mas alguns testemunhos, alegadamente de passageiros, indicam que dois homens retiraram o senegalês à força, num processo de “deportação selvagem”, e escoltados por elementos da PSP.

Deportação “selvagem” de homem no aeroporto de Lisboa gera revolta

Em comunicado, o Gabinete de Comunicação da polícia explicou que os agentes “apenas se limitaram a acorrer a um pedido do comandante da aeronave e do próprio SEF e nunca mantiveram contacto físico com o indivíduo em causa”.

Já o SEF, citado pelo Jornal de Notícias, salientou que Mbaye Sow foi detido porque “pendia uma medida de interdição de entrada em Espaço Schengen”, dado que um outro país tinha expulsado o senegalês “na sequência da prática de crime”.

“No momento da partida, o cidadão causou distúrbios no voo, acabando por ser abortada a escolta prevista a pedido do comandante da aeronave. No dia seguinte, foi retomado o processo tendo o cidadão regressado ao país de origem no dia 19 de dezembro, acompanhado da respetiva escolta, sem qualquer incidente”, complementou o SEF.

Este é o vídeo que está a circular na internet >>

 

Comente esta notícia